Browsing CategoryModa

Clássico que não sai de moda, a listra é tendência para esse verão!

listras

Oi gente, tudo bem? O post de hoje, fala de um clássico no mundo da moda, as listras. Elas combinam com tudo, podendo ser usada em qualquer ocasião.

Em 1917, uma estilista teve a brilhante ideia de criar uma camisa com 21 listras, para uma coleção com inspiração náutica. Estamos falando de ninguém mais, ninguém menos que Coco Chanel, após essa criação a estampa nunca mais saiu de moda.

 Muito parecido com o estilo Navy (inspirado nas roupas de marinheiros), a tendência das listras em roupas, acessórios e decoração é hoje, indispensável. Ela foi muito usada no inverno passado, e no verão não será diferente, em 2016/2017 as listras preto e branca e coloridas vieram para ficar.

 Todo mundo pode usar essa tendência, mas devemos tomar alguns cuidados em relação ao tipo físico de cada pessoa. No caso das mulheres, algumas listras podem engordar ou afinar muito. Então, preparei algumas dicas para que não haja dúvidas na hora de compor o look.

Dicas!!

A mistura fica bem em qualquer mulher, porém, é preciso acertar na modelagem.

Quem está com uns quilinhos a mais deve evitar listras na horizontal, pois, elas dão mais volume. Apostem em listras mais finas.

As baixinhas podem abusar, por exemplo, das calças com listras verticais, que elas alongam a silhueta, fazendo com que pareçam mais altas.

Uma outra dica muito boa é, se você ainda é novo nessa onda de listras e composições de estampas, use sempre com uma peça básica e coringa, por exemplo, se o vestido é listrado, o ideal é usar uma terceira peça, como um colete ou um blazer. Já em uma calça, uma camisa básica ou uma T-shirt, faz toda a diferença e deixa o look bem moderninho.

Listras preto e branco:

Monatgem

Listra coloridas:

1480188822118863

Bom pessoal, é isso. Espero que gostem das dicas e apostem nesse novo hit do verão. E coloque as listras pra jogo.

Beijos e abraços!

LIVRO “NADA PARA VESTIR” ARLINDO GRUND

nada-para-vestir3

Oi gente linda, tudo bem? Hoje eu trago a resenha do livro “Nada para vestir” do Arlindo Grund. Eu li esse livro já faz algumas semanas e resolvi compartilhar com vocês alguns pontos bem legais que me chamaram a atenção.

Aqui no blog eu já fiz a resenha do livro “O essencial” da Costanza Pascolato, se você quiser conferir é só clicar – aqui. Os dois livros tem algumas ideias parecidas, inclusive em algumas partes do Livro o Arlindo cita o nome da Constanza como referencia, afinal ela é a moda em pessoa, rs!

Antes de começar a falar do livro tenho que apresentar melhor o autor.

nada-para-vestir11

Arlindo Grund é stylist e apresentador de televisão, desde 2009 apresenta o programa “Esquadrão da moda” ao lado de Isabella Fiorentino, no SBT. Formado em comunicação pela Universidade Católica de Pernanbuco, pós-graduado em Marketing pela faculdade Getúlio Vargas e mestre pela Universidade Federal Rural de Pernambuco.

Além de figurinos e styling de campanhas publicitárias que cria, ele é responsável por capas, editoriais e produções principais em publicações nacionais no ramo da moda, além de desfiles e catálogos.

nada-para-vestir

Falando do livro: Nada para vestir é um dos livros mais completos que eu já li nessa categoria de “manual com dicas para se vestir”. O livro começa com um texto falando sobre a importância da escolha da roupa, o quanto uma peça pode mostrar sua personalidade e sentimento, uma breve reflexão de que roupa é contexto.

“Para viver em sociedade, é no mínimo recomendável falar a mesma língua. E a moda nada mais é do que uma linguagem. Roupas e acessórios são como as palavras: juntas, elas constroem um discurso.”

nada-para-vestir10

Logo depois temos um capitulo falando das peças básicas para ter um guarda-roupa prático, em todo o livro a proposta do Arlindo é mostrar que para se vestir bem não precisa de muitas coisas, com o básico você consegue criar produções incríveis.

Outra parte que eu gostei bastante no livro é o capitulo em que o autor fala das cores, além de falar do significado de cada uma, cores que mais valorizam e tudo mais, tem uma parte que ele fala sobre colorimetria, quais as cores que mais caem bem em determinadas tonalidades de pele, como escolher as cores certas para algumas ocasiões. É bem bacana!

“Apesar de ligado à morte, curiosamente o preto é uma cor associada ao gosto da juventude contemporânea. Uma pesquisa a respeito das cores preferidas das pessoas revelou que é entre os 14 e os 25 anos que elas mais apreciam a “não cor.” Segundo o estudo publicado no livro A psicologia das cores, cerca de 15% das mulheres jovens citaram o preto como cor predileta. Entre as mulheres acima dos 50 anos, em compensação, apenas 6% declaram ter a “não cor” como seu eleito. Um dos motivos para a moçada eleger o preto é a associação com itens de luxo, como roupas de grifes e carros. Já os mais velhos o associam com o final da vida.” 

nada-para-vestir9

 Além das milhões de dicas que o livro “Nada para vestir” tem, uma coisa bem legal que o autor faz é ir colocando curiosidades sobre determinador assuntos. Por exemplo, no capitulo sobre estampas tem várias curiosidades sobre como surgiu o gosto por estampas, os desenhos, as tonalidades é bem legal, pois assim você vai entendendo mais sobre o assunto.

“Vista-se mal e notarão o vestido. Vista-se bem e notarão a mulher” (Coco Chanel)

nada-para-vestir8

 Outro ponto legal é sobre acessórios, diferente de outros livros que já, “Nada para vestir” vem com uma explicação de qual brinco funciona para determinados tipos de rosto, é bem completo, nenhuma dica é “jogada”, todas tem uma explicação, um contexto e um estudo de visagismo bem legal.

Na parte dos biquínis também tem um explicação bem legal de como valorizar mais cada tipo de corpo. Também tem dicas de looks para trabalho, sapatos, bolsas.

“Os cabelos compridos são, historicamente, associados às virgens e às heroínas dos contos de fadas (Alô Rapulzel!). Eles transmitem,portanto, a ideia da feminilidade exacerbada, que deve ser contida em público. No século XIX, cabelos soltos, longos e ondulados eram uma poderosa arma de sedução e um tema recorrente dos pintores da época, como Gustave Courbet.”

nada-para-vestir7

Como disse o livro é super completo no final tem um capítulo de como cuidar melhor das roupas, como guardar alguns modelos de roupas de forma que não estraguem rápido demais e tem até uma lista bem grandinha de filmes que possui figurinos lindíssimos para você assistir e se inspirar nas roupas, inclusive já selecionei alguns que irei assistir.

nada-para-vestir5

Eu paguei R$ 31,90 no livro e comprei na livraria Cultura, mas o preço pode variar dependendo da loja e também da cidade.

Resumindo, eu gostei bastante achei bem completo, bem explicado e com dicas muito legais é um ótimo manual para quem quer saber mais desse universo da moda e dicas para aproveitar as peças que já tem no guarda-roupa.

Espero que vocês tenham gostado da resenha. Me conta nos comentário se você já leu esse livro e o que achou. Obrigada por ler até aqui, um super beijo <3

*Nenhum produto foi utilizado para fins publicitários.

It noventinha! Sobreposição de peças

14390631_1192188204137988_4757104157596208732_n

Se você achou que a tendência anos 1990 tinha esgotado suas forças, mero engano. Sim, temos mais uma dica/inspiração para amarmos e adotar de vez. Se tem uma coisa que é cíclica, é a moda, ela vive passeando por décadas de tempos em tempos, buscando inspiração. Nos anos 90, a Sobreposição foi uma das tendências da década. Na época duas personagens usaram essa tendência com propriedade, a Rachel de Friends e nossa querida Cher, protagonista de As Patricinhas de Beverly Hills. Lembraram?

No outono e no inverno, essa dica é ótima para aproveitar o que já temos no armário. Pois, podemos resgatar as roupas de outras estações e fazer uma mescla na hora da sobreposição com casacos e blusas mais quentinhas.

Uma dica valiosa! Se você está pensando em se aventurar nessa tendência, aposte no cambo, preto + branco, o básico é escolha certa.

8e96ce64cc

 

As blusas lisas ficam bem com tudo, uma camiseta branca, por exemplo, pode ser usado por baixo de um vestido, conhecido como tendência slip dress. Sendo assim, temos um toque mais esportivo em uma peça mais delicada.

Todo mundo tem uma t-shirt branca, regata preta, ou aquela blusinha de malha lisa, às vezes com gola alta. Não é necessário adquirir novas peças, o legal desse estilo, é dar uma cara nova ao que já temos no guarda roupas.

É importante ressaltar que as combinações de cores, fazem toda a diferença. Cores análogas são mais próximas e garantem elegância, como preto e cinza. Já as complementares criam contraste, deixando o look mais moderno, como verde e salmão, por exemplo.

8-1-1520x2280

 

E ai, aprovaram a nova sensação dos anos 90, by tendência 2016/2017? Eu já vi muitas pessoas aderindo, inclusive eu. Então, se joga nas dicas e seja feliz.

Beijos e abraços!!

Os anos 90 voltaram!

tendencia-verao-2016-anos-90

Se você achou que nunca mais usaria algo parecido com o que usou nos anos de 1990 e começo de 2000, está ligeiramente enganado. As tendências do verão 2016/2017 estão todas inspiradas nessa década.

Os estilistas sempre procuram inovar, mas buscar relação com o que já foi usado e fazer remakes, tem se tornado cada vez mais usado por eles, e a gente ama né? O que seria de nós sem um remake, uma lembrança sequer da infância, e para algumas pessoas a adolescência em? Eu particularmente estou amando esse retorno, e tenho usado muito.

Então vamos ao que interessa? As dicas de hoje, são de looks inspirações e o que está usando nessa tendência anos 90.

Top Cropped

Essas blusinhas que deixam a barriga de fora, são verdadeira febre nos últimos anos, elas caíram no gosto de todo mundo, não só das fashionistas, mas de looks do nosso dia a dia. Nos anos 90 a barriga de fora, era praticamente lei. (As Patricinhas de Beverly Hiils que o diga). Atualmente essa peça é usada com tudo e de diversas formas, não só em modelos justinhos como os mais fluídos também, e usado com peças de cós alto.

Montagem feita com fotos da internet.
Montagem feita com fotos da internet.

O Cós alto!

Juntamente com os croppeds o cós alto também está de volta, e foi um hit da década de 90. Já tem algum tempo que esse modelo tem dominado as ruas, e não é a toa, uma peça super versátil que cai bem em todos os corpos, e ajuda a modelar a silhueta também. De shorts a calças, o cós alto é item indispensável, é claro que com esses 20 anos a moda se moldou, os modelos de hoje ficaram mais modernos, caracterizando uma nova década.

Montagem feitas com fotos da internet.

Os Patchs

O patch são adesivos ou bordados, usados para enfeitar as peças, voltou algumas temporadas atrás, primeiro em calças jeans, depois em jaquetas e bombers e agora está em tudo, camisetas, acessórios, há uma infinidade de opções para se divertir, criar e customizar aquela peça meio abandonada no guarda roupa. O patch foi uma tendência característica da moda dos anos 90 que teve começo no final dos anos 80. Confira nesse link como fazer sua própria peça.

Montagem feita com fotos da

Total Jeans

O jeans é a peça mais versátil que existe, com ele podemos fazer diversas combinações, mas o que está em alta é combinar ele, com ele mesmo. É jeans com jeans. A tendência dos anos 90 de usar peça total jeans, voltou com tudo nessa estação.

Essa sem dúvidas é a tendência mais fácil de apostar e acertar. Peças jeans é o que não falta no armário, então é se jogar nas misturas.

jeans-mesmo-tom

 

Gargantilhas/Chokers

Mega tendência do momento o colar choker é um tipo de Gargantilha/coleira usado bem próximo ao pescoço, ele pode ser de metal, plástico ou tecido, os mais comuns são renda, seda, algodão, veludo e camurça.

Essa com certeza é a mais queridinha até agora, não há dúvidas que os chokers tomaram conta dessa estação, se tornou o verdadeiro hit do inverno e agora do verão 2016/2017 também.

O acessório dá um Up imediato ao seu look, às opções de tecido podem ser uma boa pedida para as pessoas mais discretas, que querem experimentar a tendência, os modelos de plástico estilo anos 90, ficam por conta das adolescentes, os modelos mais finos em couro ou camurça são ideais para quem quer um visual mais delicado, já os modelos maiores, com pedras e em metal ficam bem em quem tem um estilo mais ousado, é preciso segurar o visual, uma dica é usar com um look monocromático.

 

1477570580126104

 

Ombros de fora!

Estamos entrando na estação mais quente do ano, queremos mesmo é peças fresquinhas, e nada como as blusinhas ombro a ombro (famosas ciganinhas), não é mesmo? Esse modelo vai bem com tudo.

A blusa ciganinha dá um toque boho e deixa a produção básica mais moderna. Renda e tecidos bordados turbinam a peça e é uma ótima escolha para quem curte este estilo. Combine-a com calças e saias estampadas. Se estiver a fim de um visual mais praia, invista no short jeans ou em peças de tons claros. Elas ficam mais suaves e com carinha de verão.

 

1477570908402855

 

Bom gente é isso, e se você assim como eu, está adorando esse retorno de tendências dos anos 90, curta e deixa seu comentário, nós do Maquilagem gostaríamos de ler suas mensagens. Espero vocês no próximo post.

Beijos e abraços.

 

10 dicas de roupas Plus Size

modelo-plus-size-fluvia-lacerda

Oi gente tudo bem? O Post de hoje está cheio de dicas super valiosa para as mulheres tamanho Plus Size. Eu sempre deixo bem claro, em todos os posts que escrevo que as dicas podem ou não ser colocadas em prática, o que eu faço aqui, é tentar dar um norte para quem está meio perdido, não sabe combinar, usar, ou ainda tem dúvidas se a peça irá ficar bem.

E se existem dúvidas estamos aqui para tentar sanar, hoje separei 10 dicas infalíveis de peças coringas para ajudar na combinação de looks, para que você fique sempre na moda.

  • Blazer preto

O blazer preto é a tal peça coringa, essencial em todos os looks, seja feminino, ou seja, masculino. É aquela peça que vai do escritório ao happy hour. O blazer pode ser combinado com camisas, camisetas, básicas ou coloridas, vestidos estampados ou lisos, enfim qualquer coisa cai bem. Investir em um bom blazer faz toda diferença na composição do look.

tipos-de-calca-estampada-para-gordas

 

  • Jeans Confortável

Jeans é jeans né gente? Em todos os biótipos ela é peça sagrada no nosso guarda roupa. Além de ser curinga no armário, ela também deixa o look mais despojado. Para esse formato de corpo o indicado é a calça flare e também o reto, a calça skinny pode ser usada, mas com ressalvas, é necessários alguns cuidados, pois ela pode afunilar o corpo.

jeans-gordas-plussize-como-usar-jeans-inspiracao3

 

  • Cardigan soltinho

Outra peça que é ótima para proteger de um friozinho, sem esquentar demais. Para dar uma pegada mais fashion, invista nos estampados, animal print, sempre é uma ótima escolha.

 

SONY DSC

  • Vestido preto básico

O fato é que todo mundo precisa de um pretinho básico, em se tratando de um vestido melhor ainda, ele consegue realçar qualquer composição de look, do mais simples ao mais nobre. Ousando em acessórios e mudando a forma de usá-lo você consegue compor uma peça de várias formas. É importante ressaltar para o corte do vestido, os que ficam melhor são os corte em “A”, evasê ou retos. Os vestidos acinturados e transpassados ajudam a diminuir a silhueta, procure sempre marcar a cintura.

vestido-preto-basico-plus-size

  • Saias básicas

Afinal, nem só de calça se faz um look né? Saias são ótimas para qualquer ocasião, trabalho, balada, festa chique, não importa. A saia mídi e modelo secretária, lápis (reta), são os modelos mais recomendados, mas se você gosta de uma saia mais curtinha, não se preocupe, pode usar sim, mas tome cuidado com o tamanho, até o meio das cochas é ideal, sempre colocando em práticas os modelos que ficam melhores com seu biótipo. Se ainda tem dúvida, veja os formatos de corpo aqui.

gordinha-ok

 

  • Calça estampada

Mas gordinha pode usar estampa? É claro que pode, coordenando as cores você pode tudo. Se estiver com uma calça estampada, use uma blusa mais básica, mas nada impede de combinar estampa com estampa. Afinal, um toque de cor não faz mal a ninguém.

calca-estampada-e-paleto-pra-gordinha

 

  • Saia ou vestido longo

Muitas pessoas tem medo de usar esse comprimento, por achar que a silhueta achatará, mas na verdade é o contrário, peças longas como saias e vestidos alongam a silhueta, sim, a impressão é que você fica mais alta, mais alongada. Essas peças trazem a versatilidade do look, pois tanto no verão como no inverno podemos usá-las.

vestido-longo-para-gordinha

  • Legging preta

Acho que dispensa comentários, né? Combinada com diferentes tipos de blusa, vestidos e sapatos, perde aquele ar de academia e vira uma peça-chave.

sakina-tenis-cano-longo

  • Camisa branca

Camisas são infalíveis em qualquer produção, para as gordinhas elas também são essenciais no look. Combine-as com calça e saias, no look do trabalho e também para sair. Não existe nenhuma contra indicação de tecido, o cuidado deve ser com seu formato de corpo, apenas.

look2-179

 

  • Calça preta

Falando de peças coringas, essa sem dúvidas é a peça amiga do guarda roupa. Ela combina com absolutamente tudo, estampas, básicas, blazer colorido, sapatos do básico ao mais espalhafatoso. O único cuidado que as mulheres mais gordinhas devem ter é, em relação ao formato da peça, abuse da flare e corte reto.

calca-legging-plus-size

 

Bom gente é isso, curtiram as dicas? Vocês têm todas as peças no guarda roupa? Conte nos comentários se gostaram e deixem sugestões de post, estou a disposição para responder.

Um grande beijo e até a próxima!

*fotos de reprodução da internet

Página 5 de 7« Primeira...34567